JA CULTURA
CACHOEIRA
cultura novamente
SISU
MOTO CERTA
OBRAS NO LITORAL CERTA
Semana do servidor BANNER
NATAL LUZ
cultura novamente marca gov
GOVERNO DO DESENVOLVIMENTO
cultura novamente marca gov 2
TECNOLOGIA

Piauí Conectado leva internet de qualidade a Elesbão Veloso

Escolas, hospitais e delegacias da região receberam rede de 30mbps de velocidade

16/03/2020 11h28
Por: Walcy Vieira

O projeto Piauí Conectado chegou às escolas, hospitais, delegacias e outros órgãos públicos estaduais do município de Elesbão Veloso. O objetivo é que a população elesbonense seja contemplada com prestação de serviços de qualidade, uma vez que os oito pontos de internet implantados na região possuem velocidade de 30mbps.

A Unidade Escolar Moisés L. Verde foi uma das instituições de ensino contempladas na região. Para a diretora da escola, Maria Eugênia, as expectativas são as melhores. “Estamos saindo de 10mbps para 30mbps. Com uma rede mais veloz, vamos trabalhar melhor com os alunos, que poderão pesquisar com internet de qualidade. Vai agregar ainda mais conhecimento aos alunos e professores, melhorando o ensino e aprendizagem”, enfatizou Eugênia.

A iniciativa faz parte do processo de modernização e universalização da internet no estado e é fruto da Parceria Público-Privada (PPP) firmada entre o Governo do Estado e a SPE Piauí Conectado, que vai implantar 1.500 pontos em 98 municípios piauienses, contemplando 85% da população. Em fevereiro, o projeto também chegou a Elesbão Veloso, Jaicós, Paulistana, Simplício Mendes e Valença do Piauí. Com eles, ao todo, o Projeto Piauí Conectado já está em 30 municípios do estado.

O diretor-presidente da Piauí Conectado, Emerson Silva, está satisfeito com o andamento do projeto e garante internet de qualidade a todos os pontos instalados. “Nosso intuito junto ao Governo do Estado é levar inclusão digital a todos os piauienses, além da melhoria e ampliação dos serviços da Administração Pública estadual. Já atingimos cerca de 30% dos municípios incluídos no projeto, o que representa mais de 50% da população do estado beneficiada”, afirma Silva.